segunda-feira, 13 de agosto de 2012

I'll show you love, I'll show you everything, with arms wide open ♥

Foi como perder o chão enquanto fechei os olhos e atentei melhor os ouvidos pra ouvir a voz que eu lembro bem.
Musica conhecida, que já teve outros sentidos, mas não esse.
Ela chegou carregada de amor pro meu amor.
Amor diferente, amor que eu achei que não veria.
Arrepiei, chorei feito criança e um flash de acontecimentos passou pela minha cabeça durante aqueles 4 minutos e 46 segundos....
Ele colocou tanto sentimento nos graves e nos gritos, ficou tão evidente que quase dá pra ver e tocar.
Amei todo o refrão cantado com o coração pro meu coração fora do corpo.
O meu precioso recebendo carinho acumulado, me faz respirar mais leve. Tirar os pés do chão e meio que flutuar.
E os sorrisos trocados durante o contato, os olhares...
se reconhecem e eu tenho a impressão que essa musica sempre vai tocar no fundo de cada cena dessa.
Como ele disse na musica, não estava pronto pra ser quem ele agora deve ser mas fará o melhor e mais.
Sinto isso olhando pros dois.
Até imagino as gargalhadas altas na sala de casa, dentro do carro, no quarto e até virando uma esquina no centro do rio lotado ao meio dia de uma segunda feira.
Eles iluminam, juntos.
Daqui uns anos e todos os outros, esses dois manterão minha cabeça no lugar e meu peito disparando a cada olhar no reencontro.
Um por simplesmente sorrir e outro por fazer sorrir.
Me mostrarão amor, me mostrarão tudo...
e de braços abertos.